ás

Análise: Tinertia fará de você um mestre em saltos de precisão (Multi)

Certa vez li um artigo sobre a relação entre o número de horas que passamos jogando videogame e o aumento da sensibilidade nos dedos por conta dos movimentos minuciosos e precisos. Aquele combo bem executado, o headshot certeiro no FPS ou os saltos calculados nos jogos de plataforma se encaixam aqui. Mas e se um game exigisse de você total precisão a todo momento, como você se sairia?

 Tinertia6-playreplay

GAME PARA OS FORTES

Você está em um planeta hostil, Tinertia, controlado por uma Inteligência Artificial chamada A.R.C. e precisa vencê-la para voltar para sua terra natal, são e salvo. A.R.C., como todo bom vilão, não pretende deixá-lo ir tão facilmente, já que reciclar sua carcaça robótica parece um fim mais apropriado. Cabe a você (e sua habilidade manual) decidir como sobreviver!

tinertia1-playreplay

Tinertia é um game de plataforma, mas tem algo que o diferencia muito de todos os outros: não há nenhum botão de pulo. Em Tinertia, você “salta” através da propulsão gerada por disparos de foguetes. Ou seja: você dá um tiro para trás para mover-se para frente; um tiro para baixo para gerar impulso para cima, etc.

Sabe quem já fez uso de um recurso semelhante? Son Goku, em Dragon Ball! Sabendo que seu ataque mais poderoso não funcionaria contra Tenshinhan, Goku usou o kamehameha com os pés para ganhar impulso e desferir um soco poderoso! Será que a equipe de desenvolvedores também lembrou disso enquanto concebia o game?

son-goku-tinertia-playrepla

Referências à parte, em Tinertia a sua missão é relativamente simples: você precisa chegar ao fim dos diferentes níveis o mais rápido possível, fazendo uso dos foguetes para se livrar dos perigos dispostos pelas fases. Destruir muralhas, saltar por abismos e ricochetear pelas paredes, tudo fazendo uso da boa e velha Física.

 Tinertia4-playreplay

SENSIBILIDADE NA PONTA DOS DEDOS

A premissa é simples, mas a execução é extremamente elaborada. Uma vez que os tiros precisam ser cirúrgicamente calculados, é importante que os controles sejam bastante apurados e precisos. E são!

Logo na primeira tela de Tinertia, rola uma recomendação para o uso de um joystick (DualShock 3, DualShock 4 ou um joystick de Xbox) a fim de obter uma experiência melhor. É possível jogar usando mouse, mas as chances de insucesso são ainda maiores. Fazendo um pouco de vista grossa, Tinertia tem a atmosfera de Mega Man X. Talvez a impressão venha das semelhanças entre o nosso protagonista e um Servbot. Outros pontos em comum são a velocidade com que as manobras são executadas, principalmente para usar seguidos wall jump de um lado para o outro, além da pegada extremamente futurista que dá o tom estético por aqui.

tinertia2-playreplay

Por falar em estética, aplausos para a equipe responsável pelo game. Sou suspeito para comentar jogos de plataforma 2D, mesmo que situados em um ambiente totalmente tridimensional. Os cenários são repletos de cores e efeitos de luz, com distinção clara entre o chão firme e as plataformas incandescentes onde você não gostaria de colocar seus pés. Lasers, engrenagens, serras, faíscas e outros elementos típicos industriais estão todos ali, bem ilustrados, apenas para te alertar do perigo que está correndo.

 tinertia-3

EXTRAS E DESAFIO PROLONGADO

Ao todo o game conta com 80 níveis e alguns chefes, o que deve te dar algumas boas horas de diversão. Para terminar as fases dentro do tempo estipulado, vai ser preciso treinar um bocado e isso deve render algumas horas de diversão, principalmente se você tiver interesse em ter seu nome registrado nos leaderboards do game. Mesmo após superar alguns obstáculos, você se sentirá tentado a reiniciar, apenas para melhorar sua performance e aprimorar as acrobacias. Skins e outras perfumarias ajudam no fator replay, justificando ainda mais o investimento de ter Tinertia em sua gameteca.

tinertia3-playreplay

O ponto negativo de Tinertia para uns, será o ponto positivo de outros: seu desafio exagerado. De começo, pode ser que você sinta vontade de arrancar seus cabelos ou arremessar seu controle pela janela, mas não desanime! Na década de 80 todos os bons games eram assim e você sobreviveu. Respire fundo e calibre seus dedos, porque a jornada será longa e tortuosa, especialmente para quem gosta de desafios.

[youtube id=”jhSy9AvltfA” width=”633″ height=”356″]

[infobox color=” light”]

Tinertia — Nota: 4,5 / 5

Desenvolvimento: Candescent Games e Section Studios

Plataformas: Steam e PS4

Plataforma utilizada na análise: Steam (Mac)

[/infobox]