ás

Carbono-14: 7 curiosidades sobre Pokémon que você provavelmente não conhecia

Em 1996 nascia um dos maiores fenômenos do mundo dos games — e talvez, inclusive, da cultura japonesa. Pokémon, a série criada pelo hoje consagrado Satoshi Taijiri, não demorou para estourar e se tornar um verdadeiro sucesso: da telinha do Game Boy, onde a franquia nasceu, logo os monstrinhos de bolso estrelavam seu próprio anime e estampavam todo tipo de produto.

Ainda hoje, 18 anos depois (16, se você contar somente o lançamento norte-americano), os monstrinhos de bolso fazem bonito e continuam firmes e fortes. Além dos jogos, que vêm sendo lançados religiosamente nos portáteis da Nintendo, o anime continua adaptando os jogos (com destaque para a temporada de XY, que está sensacional), longas metragens chegam aos cinemas vez ou outra e os bichinhos chegaram até mesmo a estampar o uniforme da seleção japonesa na última Copa do Mundo de futebol.

Ok, essas são informações que todo mundo já sabe. Que tal agora a gente dar uma olhada em algumas que você provavelmente não conhecia? Vamos lá!

 

7. O nome do rival no animê, no Japão, é uma homenagem ao mestre dos games

Todo mundo sabe que Ash Ketshum se chama Satoshi no original japonês em homenagem ao criador da série, certo? Mas e o seu rival? Gary Carvalho, o neto do Professor Carvalho, tem outro nome no Japão. Lá na Terra do Sol Nascente, o personagem  se chama Shigeru, e seu nome é uma homenagem a uma das maiores figuras do mercado dos games: Shigeru Miyamoto.

carbono-14-pokemon-playreplay-010

Um jovem Miyamoto ao lado de sua mais icônica criação

Essa singela homenagem não é nem um pouco aleatória: Miyamoto, o mestre criador de sucessos como Super Mario e The Legend of Zelda, foi mentor de Taijiri. Com um mestre desses, não é à toa que Pokémon foi um sucesso!

 

6. Os nomes de Jesse e James, no Japão, são uma homenagem a dois mestres do kendo

Se nos Estados Unidos a dupla de trapalhões da Equipe Rocket teve seus nomes inspirados em Jesse James, um dos mais famosos foras-da-lei da história do país, no Japão a origem de seus nomes é um tanto mais nobre.

carbono-14-pokemon-playreplay-011

Estátuas retratam um dos mais famosos duelos da história do Japão

Jesse, a bela “vilã” de cabelos vermelhos se chama Musashi na versão japonesa do desenho animado. Seu nome é uma homenagem ao maior samurai da história do Japão e fundador de uma das maiores escolas do caminho da espada, Miyamoto Musashi.

James, seu parceiro de cabelos azuis, originalmente se chama Kojiro. A inspiração para seu nome veio de Sasaki Kojiro, outro famoso espadachim japonês que morreu lutando contra Miyamoto Musashi em um dos mais famosos duelos da história do Japão.

 

5. Rhydon foi o primeiro Pokémon a ser criado

Já reparou que nos primeiros jogos da série praticamente todas as estátuas têm o mesmo formato? Já percebeu que esse formato lembra muito a silhueta de um Rhydon? Pois saiba que isso não é à toa.

carbono-14-pokemon-playreplay-009

De acordo com Ken Sugimori, principal ilustrador da série e amigo de Satoshi Taijiri, Rhydon foi o primeiro Pokémon a ser criado, ao lado de Lapras e Clefairy.

“Os primeiros Pokémon foram Rhydon, Clefairy e Lapras. Inicialmente planejávamos ter Pokémon vivendo ao lado dos humanos, tornando suas vidas mais fáceis. Então, durante os estágios iniciais de desenvolvimento, muitos personagens surgiram com papéis bem claros, como carregar coisas por aí ou navegar pelo mar carregando alguém em suas costas. Também pensamos em personagens mais fofos, como Clefairy, para serem bichinhos de estimação.”

 

4. A espiral na barriga do Poliwag é inspirada nos intestinos dos girinos

É isso mesmo que você leu: aquela espiral bonitinha que deixa o visual do Poliwag mais fofinho é, na verdade, inspirada nas entranhas de girinos. Os futuros sapinhos têm a pele da barriga bem fina e praticamente transparente, possibilitando que se enxergue seus órgãos internos (que realmente têm formato espiral)! Saca só:

carbono-14-pokemon-playreplay-012

Ainda acha fofinho?

 

3. Pikachu serviu de inspiração para o nome de uma proteína

No ano de 2008, um cientista japonês descobriu uma proteína que ajudava a transportar impulsos elétricos dos olhos para o cérebro. Como esses impulsos são muito, mas muito rápidos mesmo, Shigeru Sato resolveu batizar sua descoberta com um nome inspirado no roedor elétrico mais famoso do mundo. E foi assim que surgiu a Pikachurin, uma união de “Pikachu” com “protein”. Sensacional!

carbono-14-pokemon-playreplay-013

Ok, não é exatamente assim.

 

2. Koffing e Weezing seriam “homenagens” a Nova Iorque e Los Angeles

Toda grande metrópole sofre com poluição, não tem jeito. Mas parece que a galera que desenvolveu Pokémon acredita que as cidades norte-americanas de Los Angeles e Nova Iorque são especialmente mais poluídas. Ou talvez eles só gostem bastante das duas cidades mesmo.

carbono-14-pokemon-playreplay-014

Enfim, o que importa é que tanto Koffing quanto Weezing, sua evolução, eram chamados Ny e La, respectivamente, em homenagem às já citadas metrópoles. Esses nomes, porém, ficaram restritos às versões beta de Pokémon Red e Pokémon Blue. Quando as versões finais dos jogos chegaram às lojas, os dois monstrinhos já tinham seus nomes tradicionais.

 

1. Pokémon ia se chamar “CapuMon”

É isso aí, por pouco o nome da série não foi esse. Por pouco mesmo. O conceito original de Pokémon era conhecido como Capsule Monsters quando foi apresentado para a Nintendo no início dos anos 1990. Esse conceito era bem próximo do que a gente conhece, inclusive com os monstrinhos sendo guardados em bolas (daí o nome “Capsule Monsters”) e usados em batalhas.

carbono-14-pokemon-playreplay-001

A ideia original veio da experiência de Taijiri, que gostava de colecionar insetos quando criança. Influenciado pelas máquinas gashapon (aquelas que dão uma pequena capsula com um brinquedo dentro), Satoshi moldou a ideia dos CapuMon. O problema é que a marca já estava registrada, então ele acabou mudando para Pocket Monsters, e foi aí que surgiu a marca Pokémon.

 

[infobox color=”light”]

Carbono-14 é a coluna semanal do PlayReplay destinada a escavações de fatos históricos sobre as franquias e sistemas mais amados por nós, gamers.[/infobox]

Compartilhe