ás

Hands-on: Mesmo com poucas novidades, Just Dance 2015 diverte na BGS 2014

A Ubisoft trouxe à BGS 2014 vários títulos como Far Cry 4, Assassin’s Creed Rogue, Assassin’s Creed Unity, The Crew e, é claro Just Dance 2015. A série de jogos de dança vai receber seu novo título ainda este mês, com versões para Xbox 360, Xbox One, PS4, PS3, Wii e Wii U.

Just Dance 2015 traz poucas novidades. Testado no Xbox One, o jogo conta com uma biblioteca de músicas com diversos novos sucessos, como Happy de Pharrell Williams e Burn de Ellie Goulding. Outros hits não tão novos assim, como Holding Out For a Hero de Bonnie Tyler e Don’t Worry, Be Happy de Bobby McFerrin, e até sucessos da Internet, como The Fox (What Does The Fox Say?) de Ylvis, marcam presença no título. E, é claro, novas músicas são sinônimo de novas coreografias. Para quem já conhece a franquia, a dificuldade não é elevada, pois os movimentos são basicamente os mesmos (mudando apenas a ordem em que eles são colocados, a velocidade em que são executados etc).

P1030894

No console testado, o jogo tem suporte a até seis jogadores. Em seu antecessor, Just Dance 2014, isso só era possível em algumas versões alternativas de canções nativas. Dessa vez, não há exclusividade: todas as canções têm esse suporte. Claro que o número de jogadores se divide em um, dois, três ou quatro coaches, mas o número de seis continua fixo.

Ainda sobre os clipes das canções, algo novo foi adicionado: a movimentação da câmera. Em I Love It, de Icona Pop, e Happy, de Pharrell Williams, a mudança de posição da câmera é notável. Em alguns momentos, a face do coach é o foco, em outras mostra-se o corpo inteiro, e em outras, aparecem até outros personagens no fundo da tela, e pequenas passagens que não pertencem à coreografia na lateral das telas, como se fossem flashes.

just-dance-2015-gameplay-playreplay

O jogo traz o Community Remix, um novo recurso que permite que os jogadores gravem uma nova coreografia para uma das músicas do jogo. Cabe, então, a outros jogadores avaliarem essa dança personalizada. Modos de jogo já conhecidos como World Dancefloor — introduzido em Just Dance 2014 — e Autodance retornam. Vale lembrar que o recurso Autodance só está disponível para alguns consoles.

Just Dance 2015 é um bom título para quem é fã da série e gostaria de ter mais um em sua coleção. À parte disso, é uma boa opção para diversão com amigos, mas vale lembrar que é apenas o que já conhecemos da franquia com visual e seleção de músicas atualizados.