Conecte-se conosco.

Destaques

Prévia: O que esperar de Resident Evil Revelations 2

Publicado

em

Anunciado em setembro deste ano, Resident Evil Revelations 2 promete um retorno de Resident Evil ao survival horror, gênero que a série ajudou a popularizar na década de 1990.

O jogo tem lançamento previsto para o início de 2015 e, mesmo que já estejamos no finalzinho de 2014, ainda tem gente por fora das novidades. Se este é o seu caso, nós te ajudamos a ficar por dentro e saber o que esperar do novo título da franquia mais rentável da Capcom.

 

A veterana e a novata

resident-evil-revelations-2-playreplay-011

Claire Redfield, a irmã de Chris e protagonista de Resident Evil 2 e Resident Evil Code: Veronica, hoje faz parte de uma ONG chamada TerraSave, cuja função é dar assistência e suporte psicológico a vítimas de ataques bioterroristas e experimentos biológicos de companhias como a Umbrella.


A TerraSave já foi mencionada anteriormente na série com a participação da jovem Resident Evil Degeneração, animação lançada em 2008 e protagonizada por Claire e Leon Kennedy. Revelations 2 trará uma Claire mais velha, já nos seus trinta e poucos anos e, por consequência, mais madura emocionalmente.

Essas características terão um forte contraste com a personalidade mais impulsiva da jovem Moira Burton, também membro da ONG. Reconheceu o sobrenome da garota? Trata-se da filha do bom e velho Barry Burton, o especialista em armas que lutou pela sobrevivência ao lado de Jill Valentine no primeiro Resident Evil.

resident-evil-revelations-2-playreplay-008

Além da tenra idade, o comportamento de Moira durante o jogo deverá ser altamente influenciado por uma tragédia passada em sua família. Ainda não foi revelado o que rolou com os Burton, mas já existem muitas especulações acerca do que pode levar a garota a, por exemplo, não gostar de armas de fogo.

 

Anterioremente, em Revelations…

De acordo com Michiteru Okabe, produtor do título, assim como os títulos Survivor, Chronicles e Outbreaks, Revelations também é uma subsérie da franquia. Sua função é a de preencher as lacunas de fatos do passado da cronologia de Resident Evil, com uma jogabilidade mais limitadora e menos voltada para a ação.

resident-evil-revelations-2-playreplay-002

A Capcom garante que a mesma equipe que trabalhou no primeiro Revelations — lançado originalmente em 2012 para o 3DS , e depois portado em HD para PS3, Xbox 360, Wii U e PC — está por trás deste segundo jogo.

O roteirista Dai Sato, responsável pela trama do título anterior, está de volta em Revelations 2 e, de acordo com Okabe-san, é um grande fã da personagem Claire. Diferente do primeiro jogo, no entanto, o foco principal desta vez serão as relações entre as personagens e as questões humanas, em especial o medo.

 

Combatendo um novo mal

Diferente dos Resident Evil mais atuais, Revelations 2 trará personagens não-militares e, portanto, menos capazes de proezas com um inventário lotado de armas e itens de cura. As duas protagonistas são jogadas em uma situação de sobrevivência: após serem raptadas durante um coquetel da TerraSave, as moças despertam em uma prisão abandonada cheia de perigos à espreita e com braceletes brilhantes em seus pulsos.

Dando sentido ao slogan do jogo, “o mal está observando”, Claire e Moira passarão por um verdadeiro jogo de horrores enquanto seus passos são monitorados por câmeras em cada canto dos cenários. Na demo japonesa, em dado momento uma voz feminina fala com as moças em tom ameaçador, o que nos leva a crer que dessa vez teremos uma vilã orquestrando todos os maléficos planos.

resident-evil-revelations-2-playreplay-027

Claire e Moira estarão munidas de um arsenal bastante escasso e de pouquíssimos recursos de energia (que deverão ser divididos entre as duas personagens), então prepare-se para voltar a economizar munição e aprender a se esquivar de inimigos, como nos primeiros títulos da série.

E por falar nos inimigos, desta vez você deverá confrontar uma nova ameaça chamada Afflicted (Afligidos, em uma português), criaturas extremamente brutais, ágeis e dotados de certa inteligência, podendo inclusive atacá-lo equipados com ferramentas.

resident-evil-revelations-2-playreplay-018

Diferente dos zumbis, Ganados, Majini e J’avos, os Afflicted não estão infectados com um vírus ou um parasita. É provável que eles sejam parte de algum experimento com a mente, já que já foi divulgado que eles foram levados à loucura de formas ainda não reveladas.

 

Trama fragmentada

Outra característica marcante da subsérie Revelations é o seu formato em estilo episódico. O primeiro jogo, por ter sido desenvolvido a princípio para um portátil, precisava ser um título onde o jogador tivesse a possibilidade de ir explorando a trama aos poucos e, sempre que possível, sendo lembrado dos fatos passados em recapitulações feitas a cada início de capítulo.

Revelations 2 mantém o conceito de seu antecessor, mas, desta vez, o formato episódico segue a tendência de jogos como The Walking Dead e outros títulos da produtora Telltale Games, com a liberação de episódios avulsos ou a compra da “temporada completa”. Serão no total quatro capítulos de aproximadamente duas a três horas de duração cada, lançados semanalmente.

resident-evil-revelations-2-playreplay-026

A razão dada pelos produtores para a escolha do formato em episódios foi a de conquistar novos fãs lhes oferecerendo a opção de conhecer o jogo aos poucos, com uma experiência mais curta e de custo menor. Se o jogador gostar do primeiro episódio, ele irá comprar o próximo e assim por diante.

Outro motivo que levou a optar por este método de distribuição do jogo foi o desejo de ver a comunidade de fãs interagindo e debatendo a respeito do que deverá acontecer a cada semana em Revelations 2, assim como os espectadores especulam os próximos capítulos de sua série de TV favorita.

 

No controle da situação

Resident Evil Revelations 2 é um repeteco da jogabilidade de seu anterior, com diversas melhorias nas funcionalidades e uma câmera agora menos fechada no ombro do personagem.

Um dos aspectos aprimorados foi a questão da esquiva, que no jogo anterior funcionava mais na base do timing (para não dizer da “sorte”) e na maior parte das vezes não dava certo. Neste segundo título, contudo, os recursos serão bastante limitados, então o uso da esquiva fará toda a diferença para prosseguir e chegar ao final do jogo.

resident-evil-revelations-2-playreplay-015

Cada personagem terá o seu próprio inventário em Revelations 2. O de Claire contará com oito espaços e o de Moira com quatro,e será possível passar itens de uma personagem para a outra quando as duas estiverem próximas. É importante lembrar que desde Resident Evil 5 a tela de inventário é acessada em tempo real, então nada de resolver gerenciar os seus itens no meio de um ataque de inimigos!

O item principal de Moira será uma lanterna, e a sua iluminação fará toda a diferença durante a exploração dos ambientes escuros do jogo, além de também ajudar a encontrar munições e ervas (de forma semelhante ao Genesis scanner do jogo anterior). Apesar de não se equipar com armas de fogo, Moira estará munida de um pé de cabra para abrir portas bloqueadas e, é claro, se defender e finalizar inimigos.

resident-evil-revelations-2-playreplay-014

A luz da lanterna também serve para atordoar os Afflicted, permitindo a Claire enfraquecê-los com chutes para poder, então, esfaqueá-los no chão, por exemplo. Será preciso usar e abusar de todos estes atributos para sobreviver e poupar seus poucos recursos.

Uma outra função interessante será a troca de personagens: na campanha solo, é possível alternar entre Claire e Moira (e vice-versa) durante todo o jogo, esquema utilizado anteriormente na série em Resident Evil Zero. Algumas vezes, inclusive, será necessário que as duas se separem, e enquanto uma aguarda, a outra abrirá uma passagem ou destravará um sistema de segurança.

resident-evil-revelations-2-playreplay-019

Se você está se perguntando se o jogo terá modo cooperativo, a resposta é “sim”. Mas não se empolgue: ela estará disponível somente em modo offline e com tela dividida.

Convenhamos que survival horror e multiplayer online não combinam muito, e os produtores ainda justificaram a utilização deste método porque, de acordo com eles, Revelations 2 poderá ser jogado mesmo por pessoas que têm medo de jogos de terror, lado a lado com um parceiro que poderá auxiliá-lo.

 

Um possível retorno às origens

“Mas, afinal, Revelations 2 é um survival horror mesmo ou isso é só propaganda enganosa para vender videogame?” Essa é uma pergunta que fica na cabeça de muita gente que jogou os Resident Evil antigos e sente falta de sua atmosfera mais focada no terror, deixando de lado a ação desenfreada.

Pois saiba que Resident Evil Revelations 2 traz todos os elementos do gênero, sim, que vão desde os poucos recursos e a limitação das personagens até os cenários mais claustrofóbicos, ambientes intimidadores e muito, muito sangue. O título é um poço de violência gráfica e sons perturbadores a todo tempo.

resident-evil-revelations-2-playreplay-013

Mas, mais do que isto, usar uma personagem totalmente inexperiente como parceira de Claire foi uma sacada legal. Moira é uma menina normal que vai precisar lutar para sobreviver, vai precisar fazer coisas que jamais se imaginaria fazendo. A intenção da Capcom é de que os jogadores possam se identificar mais facilmente com a garota.

O visual do jogo está muito bonito, mas dentro do esperado para um título cross-gen (desenvolvido para a geração de consoles antigos e atuais). Infelizmente, uma coisa que a Capcom vem deixando de lado a cada novo lançamento da franquia é o detalhamento dos cenários e a interação com objetos, mas isto parece estar mudando aos poucos.

Alguns elementos clássicos estão retornando, como, por exemplo, a solução dos famosos puzzles, extintos da franquia há muito tempo.

resident-evil-revelations-2-playreplay-021

Seria inapropriado dar um veredito final agora, mas a impressão que fica, por enquanto, é a de que o jogo tem renovado as esperanças dos fãs mais saudosistas. Revelations 2 contará com os já esperados “fanservices” tradicionais da Capcom, como a volta de Claire, então será que podemos esperar por uma aparição de Barry Burton, o carismático pai de Moira? Saberemos no ano que vem.

Resident Evil Revelations 2 terá versões para PS3, PS4, Xbox 360 e Xbox One, e PC , e será lançado no início de 2015. Será possível comprar, em formato digital, cada episódio separadamente ou em um pacote. Após o lançamento dos quatro capítulos avulsos, uma versão em mídia física contendo o jogo completo também chegará às prateleiras.

 

Trabalha com sites de Resident Evil desde setembro de 2000, quando inaugurou seu primeiro fansite. Atualmente, é a principal responsável pelo Resident Evil Database e apresentadora do ResidenTV.

Destaques

Kingdom Come: Deliverance | Os 5 melhores mods para o jogo

Kingdom Come conta com mods que podem consertar problemas do jogo ou que simplesmente contornar mecânicas irritantes.

Publicado

em

kingdom come capa

Apesar de ter sido lançado há pouco tempo, Kingdom Come: Deliverance já se mostrou ser um grande sucesso, especialmente entre os fãs de RPG que queriam algo diferente dos clichês de sempre.



É claro que um jogo deste porte e com tantos jogadores ativos acaba apresentando diversos problemas e algumas mecânicas que não agradam todo mundo.

Felizmente, os jogadores de PC podem contar com modificações feitas especificamente para resolver esses probleminhas. Você pode conferir nossa lista dos cinco mods mais úteis para Kingdom Come logo abaixo!


5. Faster Arrows

Em Kingdom Come: Deliverance, você só conta com armas reais, então aqueles que dão preferência a um estilo de combate de longa de distância, podem acabar gostando de lutar mais com um bom e velho arco e flecha.

O único problema é que o sistema de arco e flecha do jogo não é tão realista assim e as flechas são bem mais lentas do que deveriam ser. Para resolver isso, você pode usar o mod “Faster Arrows”, que ajusta a velocidade das flechas de modo mais aproveitável. Clique aqui para baixá-lo.

4. Cheap Training

Assim como em muitos outros RPGs, você pode pagar por treinamentos para melhorar certas habilidades, mas isso é algo extremamente caro em Kingdom Come.

É claro que você pode fazer bastante dinheiro no jogo, mas isso certamente vai demorar dezenas de horas. Para não sofrer tanto com o preço dos treinamentos no início do game, basta usar o mod “Cheap Training”. Ele diminui o preço para 50% ou 10% do valor original, dependendo do que você preferir. Clique aqui para baixá-lo.

3. Unlimited Weight

O mod “Unlimited Weight” é bem mais superficial e serve para aqueles que não gostam de lidar com sistemas de peso em jogos deste tipo. Basicamente, você pode carregar o que quiser sem se preocupar com o peso dos itens. Você pode clicar aqui para baixar o mod.

2. Sectorial Lockpicking

Quem já jogou qualquer game mais moderno da Bethesda sabe o quanto seus minigames de fechadura são irritantes, mas elas são toleráveis quando você aprende exatamente como elas funcionam.

Já o sistema que implementaram em Kingdom Come consegue ser ainda pior e até os desenvolvedores do game já prometeram sua alteração em uma atualização futura. Enquanto isso não acontece, você pode usar o mod “Sectoria Lockpicking”, que deixa o minigame mais viável sem modificá-lo de maneira extrema. Clique aqui para baixá-lo.

1. Unlimited Saving

Por fim, não dava para deixar de fora um dos mods mais úteis que foram disponibilizados até agora para Kingdom Come. Se você já jogou o título, deve ter percebido que não dá para salvar a qualquer momento, já que você precisa usar o item “Saviour Schnapps” toda vez que quiser fazer isso.

Como você só tem um número limitado deste item, acaba sendo irritante ter que esperar o jogo chegar em um checkpoint (para salvar sozinho) e tomar cuidado extra para não perder o progresso de horas por algum problema do próprio game, que ainda é bem instável. Felizmente, o mod “Unlimited Saving” resolve isso e permite que você salve a qualquer momento e lugar. Baixe-o neste link.

Continue lendo

Destaques

Venha fazer um Book Tour pelo mangá oficial de Splatoon

Publicado

em

A Nintendo começou a publicar um mangá oficial de Splatoon a partir de dezembro de 2017 nos Estados Unidos. Apesar de ainda não existir uma versão nacional, o livro está disponível tanto para importação como para venda diretamente pela Amazon nacional através deste link. No vídeo de hoje te convidamos a fazer um passeio detalhado pela obra. Basta clicar no player abaixo!


Veja também:


Escrito e desenhado por Sankichi Hinodeya, o mangá foi publicado originalmente no Japão através da Korokoro Comics em 2016, e depois traduzido e lançado nos Estados Unidos pela Viz Media em 2017.

Por enquanto, apenas o primeiro volume está disponível, mas a edição 2 já tem data marcada de lançamento para março de 2018, enquanto o volume 3 sai em junho de 2018.


Os três primeiros volumes são focados no jogo Splatoon de Wii U, enquanto o volume 4 já começa a mostrar a mitologia e personagens de Splatoon 2, um dos principais jogos do Nintendo Switch.

Depois de ver o vídeo, não esqueça de contar o que achou do mangá nos comentários aqui embaixo! Aliás, por que não aproveita e diz pra gente se você já leu ou se tem vontade de ler o mangá também?

Continue lendo

Destaques

Yellow e Red: uma opção simples para filas e banheiros

Puzzles simples, minimalistas e divertidos compõem dois apps que são uma ótima pedida para estarem no seu celular.

Publicado

em

“Entre diariamente para ganhar ítens bônus!”. “Aproveite essa oferta especial de 30 reais que vai acabar daqui duas horas!”. “Quer acelerar essa construção? Faça uma microtransação!”. Quer saber? Na maioria das vezes, eu acho tudo isso um pé no saco. Eu só queria um joguinho simples pra passar um tempo na fila ou fazendo as necessidades no banheiro.

E eu entendo como o mercado mobile tá crescendo e recebendo títulos mais robustos, mas não é pedir muito isso, não? Felizmente, yellowred são duas pequenas pílulas de puzzles que vão servir exatamente pra isso.

Basicamente, cada app é um conjunto de 50 enigmas minimalistas, que são resolvidos apenas utilizando com toques na tela do celular. Reconhecer padrões, resolver desafios lógicos e repetir sequências são alguns dos jeitos que o designer Bart Bonte encontrou para basear os puzzles.

yellow

yellow

Nada de microtransações, notificações indesejadas ou outros sistemas que estamos acostumados. No máximo, um sistema de dicas simples, caso você fique preso em alguma parte, mas que não vai te ajudar em alguns casos e vai te dar todas as respostas em outros. Nenhum dos enigmas são extremamente difíceis, então, recomendo que você vá no seu próprio ritmo.


yellow é um bom ponto de entrada para começar a entender o estilo do jogo e red funciona mais como um segundo desafio, que consegue, inclusive, utilizar conceitos já estabelecidos e usá-los de maneiras diferentes. Mesmo que sejam relativamente curtos, principalmente se você já gosta do estilo, valem a pena. Gratuito, interessante, divertido e minimalista: bem melhor que o rótulo daquele condicionador.

red

red


yellow e red são jogos desenvolvidos pelo belga Bart Bonte e estão disponíveis gratuitamente para Android (yellow/red) e iOS (yellow/red). Ambos os jogos permitem pagamento para retirar os anúncios, que vão aparecer entre uma dica e outra, e para apoiar o desenvolvedor.

Quer conhecer outros jogos gratuitos e inovadores para jogar e aproveitar muito? Dê uma olhada na nossa coluna Free to Play!

Continue lendo

Últimas notícias

Burnout Paradise Remastered Burnout Paradise Remastered
Games5 horas atrás

Burnout Paradise Remastered | Jogo chega aos consoles em março

A versão remasterizada de Burnout Paradise já era esperada há algum tempo, mas a EA só confirmou o lançamento hoje.

Anime5 horas atrás

Star Wars | Animador de One Punch Man recria luta entre Obi-Wan e Darth Maul

Arifumi Imai também trabalhou como animador em Attack on Titan e Guilty Crown

Cinema6 horas atrás

Pantera Negra | Filme já superou a bilheteria americana total de Liga da Justiça

Em menos de uma semana o novo filme da Marvel atropelou o flop da DC nos EUA

Música8 horas atrás

Sade | Cantora participará da trilha de Uma Dobra no Tempo com nova música

Foi divulgada a tracklist completa da trilha sonora do novo filme da Disney

Notícias9 horas atrás

Jessica Jones | Novo trailer da Netflix destaca terapia da heroína

Novos episódios estreiam em Março na Netflix

kingdom come kingdom come
Games10 horas atrás

Kingdom Come: Deliverance | Modo de salvar o jogo deve mudar em breve

Os desenvolvedores do game estão planejando um recurso de "Salvar e Sair", mas não há previsão de quando isso acontecerá.

Games12 horas atrás

League of Legends | Flamengo estreia com vitória

Mengão estreia no Circuito Desafiante de League of Legends vencendo a IDM Gaming

doom capa doom capa
Games12 horas atrás

Doom | Versão do Switch recebe controles de movimento

Depois de alguns desde seu lançamento, os jogadores de Doom finalmente terão uma alternativa melhor para mirar no Switch.

Notícias13 horas atrás

The Walking Dead | Criador queria que Rick perdesse a mão na série de TV

"Eu quero cortar fora a mão do Rick"

Cinema13 horas atrás

Star Wars | Blu-ray de Os Últimos Jedi ganha data e trailer

Star Wars The Last Jedi estará disponível em Download e Blu-Ray já em março

Anime14 horas atrás

Sword Art Online | Terceira temporada cobrirá todo o arco Alicization

Nova temporada cobrirá do nono ao 18º volume das light novels

Cinema14 horas atrás

Sharknado | Sexto filme vai misturar nazistas com dinossauros

Série trash do canal Syfy ainda encontrará um espacinho para a Arca de Noé em sua trama

Cinema15 horas atrás

Blade Runner 2049 | Rutger Hauer não queria que filme existisse

Vilão do filme não ficou satisfeito ao ver uma sequência do clássico cult ganhar forma

Games1 dia atrás

Switch | Acessório transforma o console da Nintendo em um mini arcade

Agora você já pode dar uma surra de Hadoukens nos amigos simulando fliperamas em casa

Cinema1 dia atrás

Hebe Camargo | Andréa Beltrão interpretará a apresentadora nos cinemas

Cinebiografia da saudosa apresentadora ainda não tem uma data de estreia definida

Em alta