Conecte-se conosco.

Tecnologia

Apponte | Startup brasileira lança app de processos seletivos cruzando dados e afinidades

Ferramenta foi criada com o objetivo de otimizar tempo e custo e gerar maior produtividade para departamentos de RH e consultorias de recrutamento

Publicado

em

Marcelo Haegenbeek, CEO da Apponte, e seu aplicativo (Foto: Reprodução)

Chegou ao mercado recentemente o Apponte, aplicativo brasileiro que conecta empresas e profissionais cruzando afinidades entre empregadores e candidatos. O sistema é semelhante aos apps de relacionamentos, em que o objetivo é dar o “match”, e os usuários podem gravar um vídeo de até 90 segundos para mostrar se apresentar.


Veja também:


Cada vez mais departamentos de RH de empresas e consultorias de recrutamento têm apostado no uso das tecnologias a favor de seus processos de seleção tendo como meta objetivos como: simplificar suas rotinas, serem mais assertivos na busca por profissionais que tenham aderência com as vagas oferecidas e maior produtividade.

Com o propósito de auxiliar empresas a se conectarem com candidatos que realmente possuem o melhor perfil para suas posições e oportunidades é que surge o Apponte, aplicativo que investiga e cruza afinidades entre empregadores e candidatos por meio de uma base de algoritmos. O sistema é bem parecido com o de apps de relacionamentos, em que o objetivo é dar o “match”.

Na ferramenta, empresas preenchem os atributos dos candidatos que desejam e as especificações da vaga, enquanto o candidato insere informações como: perfil, experiência, pretensão salarial, áreas de interesse e até em que região, cidade e Estado gostaria de trabalhar. O sistema cruza as informações e a base mostra o número de pessoas que mais se adequa ao perfil desejado pela companhia, que pode escolher com quem se conectar. Assim que a combinação entre as partes é feita, podem iniciar um diálogo.

O formato proposto pelo Apponte agiliza o método conhecido no mercado como triagem. O próprio aplicativo realiza os filtros precisos e traz para as organizações os melhores perfis correspondentes com as vagas, poupando tempo e custo, já que elimina a necessidade de análise de centenas de currículos e de entrevistas presenciais num primeiro momento, uma vez que os candidatos podem passar por processos seletivos diretamente pelo aplicativo.

As empresas ainda podem selecionar os candidatos indicados enviando desafios com respostas em testes de lógica, múltipla escolha, respostas diretas e envio de documentos.

“Com a ajuda do aplicativo, empresas podem ser mais assertivas em suas contratações e, dessa forma, ter redução de custos com um menor número de desligamentos e burocracias que envolvem a rotatividade de trabalhadores,” comenta Marcelo Haegenbeek, diretor-presidente do Apponte.

Apponte promove ‘match’ entre empresas e candidatos por meio de cruzamento de afinidades

Diferencial

Não é de hoje que um dos maiores desafios dos profissionais de RH é saber se o profissional que se candidata para uma vaga específica coloca em seu currículo informações que, de fato, correspondem com suas competências, principalmente no que se refere a atributos de personalidade como ser espontâneo, possuir fluidez verbal, ser extrovertido, entre outros.

Pensando nisso, o app Apponte desenvolveu um sistema inovador em que os usuários do app podem gravar e disponibilizar vídeos contando um pouco sobre seu perfil, experiências, expectativas e porque deve ser contratado pela companhia. Este vídeo tem um tempo de 90 segundos para gravação.

“Nenhum outro aplicativo no mercado brasileiro possui esta tecnologia, somos pioneiros neste formato em que o candidato se apresenta por vídeo e não apenas por meio de um simples currículo. Acreditamos que este modelo auxiliará muito as empresas que buscam agilizar seus processos de contratação. Além disso, o cruzamento das informações com a base em algorítimos amplia muito o nível de assertividade entre a vaga oferecida e o melhor profissional para ela,” explica Haegenbeek.

“O fato de o candidato poder se expressar em um vídeo traz uma certa humanização, e também uma luz, para este setor. Ao iniciar a busca por candidatos, o profissional de RH pode ficar um pouco vulnerável apenas com as informações do currículo. O Apponte dá a ele a chance de conhecer um pouco melhor os interessados pela vaga ao possibilitar o contato visual e o envio de desafios que, além de vídeo, podem ser também respondidos por alguns testes predeterminados”, finaliza o diretor-presidente do Apponte.

Outro ponto de destaque do aplicativo é que ele estreia com foco em atender estagiários, trainee, menor aprendiz e pessoas com necessidades especiais, para depois ampliar os segmentos. O sistema também funciona por geolocalização, permitindo tanto para o empregador buscar candidatos próximos à sua sede quanto para o profissional ter a chance de escolher uma empresa próxima à sua casa ou região de preferência, por exemplo.

O app está disponível para iOS e Android e já tem em sua lista de clientes empresas como Banco Pan, Dafiti e Raízen.

Compartilhe

Gosta de cachorros, pizza e pipoca. Já foi fanboy da Nintendo e da Sony, mas hoje joga qualquer coisa. Já colaborou em sites e revistas como GameBlast, Nintendo World, Herói e Portal Pop, mas hoje se dedica exclusivamente ao PlayReplay.

Comentários

Tecnologia

Ciberativismo | Preocupação cresce em ano de Copa do Mundo e Eleições

Texto de Bruno Padro esmiuça a questão

Publicado

em

O ano de 2018 é movimentado por dois eventos de ampla magnitude, a Copa do Mundo, entre junho e julho, e eleições presidenciais, em outubro. Com isso, surge a preocupação em relação aos ataques virtuais por parte de ciberativistas, que atacam sites e serviços digitais de empresas ou celebridades como forma de se manifestarem de maneira contrária aos acontecimentos – sejam eles apoiados ou não por essas organizações.


Veja também:


Um exemplo é o que ocorreu em 2016, quando a Nissan teve seu site inutilizado em um movimento de protesto do grupo Anonymous contra a caça às baleias no Japão – mesmo sem ter nenhuma ligação com o caso. Em ano de Copa, patrocinadores e marcas relacionadas ao evento esportivo se tornam alvos para os ativistas, que reivindicam pelos mais diversos motivos, seja por causa dos escândalos de corrupção da FIFA e de seus representantes brasileiros que estão presos, ou por causa do impacto do futebol na sociedade.

Nas eleições a situação é similar. Com denúncias de corrupção contra políticos e empresas estampando os noticiários diariamente, a web se torna um campo fértil para o protesto contra partidos e candidatos. Além disso, existe o uso do DDoS como uma ferramenta anticompetitiva, visando a e tirar do ar toda a campanha on-line de determinados candidatos, que perdem alcance e, por consequência, diminuem suas chances.

O fato é que, sem eficientes formas de mitigação de ataques de negação de serviço (DDoS), as empresas envolvidas direta ou indiretamente se colocam em uma posição delicada em que a interrupção de seus serviços se torna uma ameaça real. Para evitar esse tipo de situação, as organizações precisam estar alertas a esses tipos de atitude, que ganham notoriedade. Essa modalidade de ativismo permite que os praticantes não se locomovam e não causem tumultos públicos, podendo se manifestar de dentro de suas casas.

Para evitar a indisponibilidade e a anticompetitividade promovida por esse tipo de violação, as empresas e campanhas precisam se conscientizar sobre a importância do uso de ferramentas de monitoramento e mitigação de ataques de negação de serviço e terem o conhecimento que a implantação não é feita do dia para a noite. Da mesma forma que não se espera um incêndio para se ter um extintor, não adianta esperar o começo de um problema para investir em uma solução para mitigar riscos e evitar prejuízos.

  • Texto de Bruno Prado, CEO da UPX Technologies, empresa especialista em performance e segurança digital.

Compartilhe

Continue lendo

Tecnologia

Copa do Mundo | Seleção brasileira tem o maior alcance digital entre todas as seleções

CBF ultrapassa a ederação Mexicana de Futebol (FMF)

Publicado

em

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) é a seleção de futebol com a maior base digital do planeta e a primeira a ultrapassar os 19 milhões de seguidores, somando os inscritos das plataformas analisadas (Facebook, Twitter, Instagram e YouTube).


Veja também:


A CBF ampliou a vantagem sobre a Federação Mexicana de Futebol (FMF), que segue na segunda posição com 18,7 milhões de seguidores. Em outubro de 2017 apenas 10 mil seguidores separavam as seleções, hoje a diferença chega a 300 mil inscritos, consolidando a seleção brasileira na liderança do ranking digital.

Completam o TOP 5 as confederações Inglesa (F.A.), com 12,9 milhões de inscrições, Francesa (F.F.F.), com 12,5 milhões de inscritos, e Alemã (D.F.B.), com 11,5 milhões. Entre as seleções do TOP 5, a federação francesa de futebol se destaca por obter a maior variação de crescimento (+9%) e a que mais somou novos seguidores no período: foram mais de 1 milhão de novos inscritos em suas redes desde outubro de 2017.

Em comparação com o levantamento anterior, houve um movimento de entusiasmo das seleções sul-americanas classificadas para a Copa do Mundo, sobretudo no Facebook. Entre as seleções que somaram mais curtidas na rede social no período estão: Peru (1º), Colômbia (2º), Uruguai (3º) e Argentina (5º). A Federação Portuguesa registrou o 4º maior crescimento no Facebook.

A seleção peruana, inclusive, foi a que registrou a maior variação de crescimento no período entre todas as seleções monitoradas. Com a classificação para o mundial após 36 anos, a FPF registrou uma variação de crescimento de 34% em sua base digital. Com isso, os peruanos ultrapassaram Bélgica e Japão, alcançando a 12ª posição do ranking.

Por outro lado, a seleção norte-americana de futebol (U.S. Soccer) manteve a 8ª posição no ranking, mas como possível efeito da não classificação para o mundial, as contas de mídia social dos norte-americanos, combinadas, ficaram praticamente estagnadas e evoluíram apenas 1% no período, menor variação entre as seleções do TOP 10.

Compartilhe

Continue lendo

Tecnologia

Twitter | Brasil é o terceiro país que mais fala sobre a Copa do Mundo

Japão e Arábia Saudita encabeçam a lista

Publicado

em

A um mês do início da Copa do Mundo Rússia 2018, o Twitter fez um levantamento para mostrar como andam as conversas em torno do assunto na plataforma. O Brasil é o terceiro país do mundo que mais tem Tweetado sobre #Copa desde dezembro de 2017.


Veja também:


Em primeiro lugar em volume de conversas a respeito do assunto está o Japão, seguido pela Arábia Saudita. Em quarto lugar está a França, e na sequência vêm Estados Unidos, Argentina, México, Reino Unido, Coreia do Sul e Espanha.

De acordo com dados globais, os jogadores mais mencionados em conversas a respeito do mundial desde dezembro do ano passado foram o português Cristiano Ronaldo (@Cristiano), o argentino Lionel Messi, o egípcio Mohamed Salah (@MoSalah), o brasileiro Philippe Coutinho e o francês Paul Pogba (@paulpogba).

As seleções mais comentadas em Tweets relacionados a #Copa, também segundo dados globais, foram: Japão (@JFA), Estados Unidos (@ussoccer), Argentina (@Argentina), México (@miseleccionmx; @miseleccionmxEN) e França (@equipedefrance; @FrenchTeam). O Brasil (@CBF_Futebol) aparece em sétimo lugar, atrás da Alemanha (@DFB_Team_EN; @DFB_Team) e à frente de Espanha (@SeFutbol), Peru (@SeleccionPeru) e Chile (@LaRoja).

Compartilhe

Continue lendo

Últimas notícias

Música41 minutos atrás

Paul McCartney | Macca revisita sucessos dos Beatles no Carpool Karoke

Teve até um show surpresa em pub!

Música2 horas atrás

Nine Inch Nails | EP Bad Witch já está disponível no Spotify

Ouça aqui o novo disco da banda

Séries3 horas atrás

Cara Gente Branca | Netflix renova a série para sua terceira temporada

Ainda não há data de estreia para os novos episódios

Games4 horas atrás

Overwatch | Assista agora à equipe do PlayReplay jogando ao vivo no Twitch!

Sexta-feira é dia de live com a equipe!

Cinema4 horas atrás

Edgar Wright | Diretor confirma estar trabalhando em documentário sobre o Sparks

Diretor volta a se envolver com o mundo da música

Música5 horas atrás

Panic! At The Disco | Ouça aqui o disco Pray for the Wicked

Confira também o vídeo oficial de Hey Look Ma, I Made It

Games6 horas atrás

World of Warcraft | MMO está gratuito neste fim de semana

Quem ainda tem curiosidade em jogar o clássico MMO, pode aproveitá-lo sem assinatura nos próximos dias.

Games7 horas atrás

PUBG | Jogo perdeu metade dos jogadores ativos no PC

Mesmo com números menores do que antes, ainda há mais de 1 milhão de jogadores ativos no game.

Games10 horas atrás

Red Dead Redemption 2 | Versão de PC pode ter sido confirmada

A Rockstar ainda não se pronunciou sobre o assunto por enquanto.

Mangá11 horas atrás

The Legend of Zelda | Panini lança o mangá The Minish Cap Phantom Hourglass

Conheça a nova Perfect Edition, de Akira Himekawa

Games24 horas atrás

Steam | Promoção de férias já está no ar!

Os usuários do Steam tem até o início de julho para comprarem seus jogos favoritos.

Games1 dia atrás

Shadowrun Returns | Jogo está gratuito no Humble Bundle

O game poderá ser adquirido de graça por mais alguns dias no PC.

Quadrinhos1 dia atrás

Star Wars | HQ de Poe Dameron é cancelada nos EUA

Charles Soule escreverá a edição final da revista

Anime1 dia atrás

Neon Genesis Evangelion | Música de abertura é relançada em versão oficial HD

Seria um sinal de que o Rebuild 3.0+1.0 está chegando?

Música1 dia atrás

St. Vincent | Fast Slow Disco é o novo clipe de MASSEDUCTION

Confira o vídeo clipe oficial

Em alta