Conecte-se conosco.

Cinema

Surpreendente, Deadpool 2 é cinema descontraído, divertido e cheio de ação

Entre erros e acertos, longa diverte e surpreende ao tomar rumos inesperados

Publicado

em

Deadpool 2, a continuação do aclamado filme que chegou as cinemas em 2016 com os dois pés nos peitos de nossas expectativas ao subverter o gênero de super-heróis com todo tipo de piadas e violência gratuita e explícita, chega aos cinemas esta semana. O filme, estrelado novamente por Ryan Reynolds, tem a missão de ser tudo o que a película anterior foi e ir além. Mas será que consegue?


Veja também:


Antes de começar a crítica, é preciso fazer aqui uma declaração: nunca fui realmente fã do Deadpool. Voltando uns bons 15 anos no tempo, lembro que quando mais jovem, na época da escola, lia avidamente as HQs da Marvel e discutia os arcos e edições com os amigos, meio que ignorava um pouco o mercenário falastrão. Lembro nitidamente de ranquear meus super-heróis favoritos com a galera e sempre — sempre mesmo — um dos únicos a bater o pé e dizer que “o Deadpool é que é foda” era o Luiz Felipe Piorotti, que também colabora aqui no PlayReplay.

Avançamos no tempo e agora é 2016. Wade Wilson chega aos cinemas, interpretado por Ryan Reynolds, em um filme que muda bastante alguns aspectos do personagem e seu folclore, mas ainda assim se mantém fiel à essência do que se entende por Deadpool.

Era mais do que evidente que o filme vinha para causar com sua classificação etária alta, que lhe rendeu o título de filme para maiores mais rentável da história do cinema e ainda ajudou a preparar o terreno para o violentíssimo (além de muito bom) Logan, que fechou com chave de ouro a saga do Wolverine de Hugh Jackman nos cinemas. Não digo que virei fã de carteirinha do Deadpool, mas o filme com certeza me divertiu bastante e deixou aquele gostinho de “quero mais.”

Cuidado! A partir daqui o texto contém spoilers!

Voltamos agora ao presente, e Deadpool 2 está aí. Desde o começo do filme é notável que a equipe de produção optou por apostar todas as fichas em repetir (e aprimorar) tudo o que deu certo no longa anterior, como todo tipo de piadas sexuais, escatológicas e tiradas quebrando a quarta parede, até porque o fator “novidade” (que foi sem dúvidas um dos maiores trunfos da estreia de Deadpool nos cinemas) já passou.

Somos apresentados a um Deadpool tristonho — mas sem perder o senso de humor — cometendo suicídio, e após sua “morte” o filme repete o esquema de “memória narrada” do longa anterior e acompanhamos Wade Wilson matando bandidos ao redor do planeta, mostrando o que o personagem fez entre uma trama e outra. A ação durante este trecho do filme beira a perfeição (palmas para o diretor David Leitch, de John Wick!), cheia de cenas rápidas e violentas repletas de desmembramentos e mortes e piadas e muito, mas muito sangue. E são os acontecimentos desta sequência que desencadeiam a trama de Deadpool 2.

Após um terrível infortúnio, Wade perde a vontade de viver (culminando na tentativa de suicídio) e acaba sendo socorrido por Colossus (Stefan Kapicic), que aqui ganha um papel mais relevante como bússola moral e verdadeiro amigo do mercenário falastrão em uma sequência que tem uma das melhores (e mais inesperadas) participações especiais do filme. A trama vai se desenrolando até que Deadpool topa entrar para os X-Men como trainee/estagiário ao lado de Colossus e Míssil Adolescente Megassônico (Brianna Hildebrand), e é aí que somos apresentados a Russell Collins (Julian Dennison), um jovem mutante que busca vingança contra o orfanato onde sofria constantes abusos.

A química entre Wade e Russell funciona muito bem, o que ajuda a comprar a ideia de que Deadpool faria de tudo para salvá-lo quando Cable vem do futuro para exterminar o rapaz. Segundo o coroa bombado, quando adulto, Russel é responsável pela morte da família do brucutu, interpretado por Josh Brolin — que parece tão confortável na pele do mutante viajante do tempo quanto estava como Thanos, no último Vingadores.

E a partir daí o filme engata em um ritmo frenético, parando apenas para respirar (e soltar uma piada ou quebrar a quarta parede, isso quando não faz tudo isso de uma vez), e nos deleita com sequências de ação, diálogos, interações e reviravoltas na trama que nos deixam ao mesmo tempo sentados na pontinha da cadeira, gargalhando e boquiabertos.

Um dos grandes destaques dos trailers, a equipe X-Force criada por Deadpool brilha na sequência mais interessante, divertida e inesperada de todo o filme. Vanisher (não pisque ou vai perder a ótima participação especial!), Shatterstar (Lewis Tan), Bedlam (Terry Crews, o eterno “pai do Chris”), Zeitgeist (Bill Skarsgaard, o palhaço de It- A Coisa), Peter (Rob Delaney, simplesmente o melhor!) e Domino (Zazie Beetz, que mostrou que apesar de todas as críticas negativas dominou o papel) extrapolaram o surpreendente e provaram que a Fox fez a lição de casa na hora de conseguir manter os segredos guardados a sete chaves.

Deadpool 2 acerta em cheio em nos presentear com o inesperado, tomando rumos completamente diferentes do que esperávamos, mas peca (e muito) no uso da computação gráfica. Quando personagens feitos em CG aparecem na tela, fica mais do que evidente que são gerados por computação gráfica. Basta comparar o Colossus do primeiro filme com o desta nova película para perceber que a qualidade dos efeitos especiais caiu consideravelmente. Quando o último vilão do filme aparece, então, aí sim é que a coisa fica realmente feia.

Por falar em vilão, Deadpool 2 sofre ao mesmo tempo com o excesso e com a falta de vilões. Pois é, eu explico. O filme tem 3 vilões principais: o primeiro surge na sequência de introdução, mas é descartado logo em seguida; o segundo, Cable, vira a vida de Deadpool de cabeça pra baixo mas logo se torna um aliado; enquanto o terceiro e último surge de maneira extremamente inesperada mas não tem qualquer peso ou importância para a trama. Em momento algum em Deadpool 2 há um senso de urgência ou de real perigo, o que atrapalha um pouco a experiência.

Em alguns momentos o filme também parece não saber aonde quer chegar, e de certa forma transformar Deadpool em alguém tão emocional em uma trama de alma amargurada em busca de redenção não combinou tanto com o personagem que Ryan Reynolds nos agraciou em 2016. Foi até mesmo por isso que foi impossível conter a risada quando o próprio Deadpool aponta que o roteiro do filme é preguiçoso.

Mas nada disso torna a experiência de Deadpool 2 ruim. Muito pelo contrário, a continuação honra o legado do filme anterior e se prova um filme imperdível. Depois do trauma de Vingadores: Guerra Infinita, nada melhor do que gargalhar no cinema em uma aventura descontraída, divertida e cheia de ação.

A sacada de aproveitar ambientações como a Mansão X e utilizar músicas famosas que realmente funcionam no contexto da trama ajudam Deadpool 2 a segurar a atenção do espectador, que fica atento a todo instante tanto pra pegar as referências e rir das piadas quanto para saber o que vai rolar na cena seguinte. 

Ah, e não saia do cinema quando subirem os créditos! Deadpool 2 tem as melhores cenas “pós-créditos” (no caso, no meio dos créditos) que já vi em um filme de super-heróis, tirando sarro e “corrigindo erros” do passado. Simplesmente genial! Resta saber o que será da franquia, agora que a Marvel detém os direitos do personagem e dos X-Men — e é provavelmente por isso que o longa termina sem deixar tantos ganchos para uma possível sequência.

Mesmo com alguns defeitos bastante evidentes, Deadpool 2 definitivamente merece ser assistido no cinema. Só tome cuidado para não engasgar quando rir enquanto come sua pipoca!

Deadpool 2
8 Nota
0 Leitores (0 Notas)
Prós
  • Ação na medida certa
  • Ótimas participações
    especiais
  • Reviravoltas na trama
  • Cenas "pós-créditos" geniais
Contras
  • Computação gráfica
  • Deadpool de coração mole
  • Não passa sensação
    de perigo
  • Trama meio preguiçosa
Avaliação
Entre erros e acertos, Deadpool 2 oferece uma aventura surpreendente emocional, cheia de reviravoltas e, é claro, violenta e divertida, que merece ser assistida na tela do cinema.
O que as pessoas acharam... Deixe a sua avaliação!
Sort by:

Seja o primeiro a deixar uma avaliação.

User Avatar
Verified
{{{ review.rating_title }}}
{{{review.rating_comment | nl2br}}}

Show more
{{ pageNumber+1 }}
Deixe a sua avaliação!

Compartilhe

Gosta de cachorros, pizza e pipoca. Já foi fanboy da Nintendo e da Sony, mas hoje joga qualquer coisa. Já colaborou em sites e revistas como GameBlast, Nintendo World, Herói e Portal Pop, mas hoje se dedica exclusivamente ao PlayReplay.

Cinema

Capitã Marvel | Assista agora ao primeiro trailer do filme

Corre que saiu o primeiro trailer de Capitã Marvel, vem ver!!

Publicado

em

O próximo filme da Marvel Studios que promete abalar as estruturas e tocar o rumo do MCU a partir de 2019, Capitã Marvel recebeu seu hoje primeiro trailer.

Sem mais delongas, assista ao vídeo logo abaixo:

A fotografia do filme realmente parece excelente, mas pessoalmente achei que o trailer em si não foi tão emocionante quanto esperava. Pra mim ficou bem abaixo do hype que gerou ao longo dos últimos meses e passou longe de “quebrar a internet”, como sugeriram Brie Larson e o pessoal do Entertainment Weelky.

Ainda assim, Capitã Marvel parece incrível. O efeito de rejuvenescimento em Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Agente Coulson (Clark Gregg, que finalmente retorna ao MCU) ficou muito convincente. Brie Larson parece confortável no papel de Carol Danvers, a protagonista desmemoriada do filme, e seus poderes de Capitã Marvel parecem bem bacanas. Só não dá pra ter uma ideia ainda se ela realmente vai ser a pessoa mais poderosa do MCU.

O traje da Capitã parece funcionar bem no trailer, fica muito melhor em movimento no vídeo do que nas fotos de bastidores (e até mesmo que nas imagens promocionais liberadas recentemente, que você confere na galeria no final desta notícia). Achei bem legal que há a versão do traje com máscara, como nas HQs.

O trailer não entrega muito da trama (o que é ótimo em tempos de trailers que praticamente contam o filme de ponta a ponta), então teremos de esperar até o dia 07 de março de 2019 (pertinho do dia da mulher!) para saber o que rola com Carol Danvers em Capitã Marvel.

Compartilhe

Continue lendo

Cinema

Shazam! | Superman não fará participação especial no filme

Após problemas nas negociações com a Warner Bros., o Superman de Henry Cavill não deve mais ter uma participação especial no filme do Shazam

Publicado

em

Após a recente notícia de que Henry Cavill pode estar deixando o papel de Superman nos cinemas, muitos se perguntaram se o homem de aço ainda faria uma suposta participação especial em Shazam!, novo filme da DC que chega aos cinemas no ano que vem.

Rumores diziam que o Superman poderia ter um papel crucial no filme como uma espécie de mentor do jovem Billy Batson (Asher Angel), que ganha poderes extraordinários de um mago ancião chamado Shazam (Djimon Hounsou) e torna-se o super-herói conhecido como, bem, também Shazam (Zachary Levi).

A má notícia é que é praticamente certo de que o Henry Cavill não cruzará capas com o Zachary Levi no vindouro filme. Afinal, um dos pontos-chaves de toda a situação envolvendo Cavill e a WB é o fato de que o ator pode ter perdido o papel justamente por conta de uma negociação frustrada para participar de Shazam!, que teria levado a WB a perder o interesse em manter o ator como Superman nos cinemas.

Embora a WB tenha dito recentemente que nada ainda foi decidido sobre filmes solos do Superman e a agente de Cavill ter dito que “a capa ainda está no armário” do ator, a cada momento que se passa parecem diminuirem as chances de vermos Henry Cavill voando nas telas como o homem de aço novamente.

Shazam! é dirigido por David F. Sandeberg e tem Zachary Levi, Asher Angel, Mark Strong, Jack Dylan Grazer, Grace Fulton, Adam Brody, D.J. Cotrona e Djimon Hounsou no elenco.

Compartilhe

Continue lendo

Cinema

Superman | Warner Bros. fala sobre possível saída de Henry Cavill

WB liberou um pronunciamento sobre a possibilidade de Henry Cavill deixar de ser o Superman

Publicado

em

Após a possível saída de Henry Cavill do papel de Superman no universo estendido da DC nos cinemas, a Warner Bros. liberou um anúncio oficial sobre o assunto.

Dany Garcia, a agente do ator, comentou mais cedo que “a capa ainda está no armário [de Henry Cavill],” pedindo aos fãs para serem pacientes pois a WB logo deveria se pronunciar.

“Sejam pacíficos, a capa ainda está no armário dele. A Warner Bros. foi e continua sendo nossa parceira enquanto evolui o Universo DC. Aguardem um pronunciamento da WB hoje mais tarde.”

Algumas horas após a reportagem do The Hollywood Reporter informar que fontes afirmam que Henry Cavill perdeu o papel após uma negociação frustrada para uma participação especial em Shazam!, a WB comentou sobre o tema.

“Nenhuma decisão foi tomada sobre nenhum futuro filme do Superman, sempre tivemos muito respeito e ótimo relacionamento com Henry Cavill, e isso se mantém inalterado,” disse a WB, segundo o ComicBook.

Aparentemente, realmente não veremos uma continuação de O Homem de Aço (Man of Steel) tão cedo. Mas, pelo visto, nada impede que Henry Cavill volte a interpretar o personagem em outros filmes, como uma possível continuação de Liga da Justiça ou até mesmo em participações especiais em outros filmes — mas não em Shazam!, esse já era.

Levando em conta o tuíte da agente do ator e a afirmação da WB que categoricamente falou somente em filmes solo do Superman, ainda há uma pontinha de esperança de que Henry Cavill continue usando o colant azul e capa vermelha por algum tempo.

Você acha que Henry Cavill deveria continuar como Superman nos cinemas? Ou acredita que já está na hora de rolar um recast e contratarem outro ator para viver o homem de aço nas telonas?

Compartilhe

Continue lendo

Últimas notícias

Séries4 dias atrás

Spectros | Netflix anuncia nova série original brasileira

O showrunner Douglas Petrie une-se à Moonshot Pictures para dar vida ao thriller sobrenatural ambientado no bairro da Liberdade, em...

Games4 dias atrás

Jump Force | Bandai Namco anuncia edição de colecionador e passe de temporada

Nove personagens serão adicionados ao jogo com passe de temporada

Games4 dias atrás

Resident Evil 2 | Capcom liberou novo trailer do remake

Capcom liberou novo trailer de Resident Evil 2, que mostra um pouco mais da trama e personagens secundários, durante a...

Games5 dias atrás

Fortnite Battle Royale | Cubo misterioso chegou ao seu destino final, veja o que aconteceu

O que será que vai acontecer agora que o Cubo roxo de Fortnite aparentemente chegou ao destino final?

Games5 dias atrás

Super Bomberman R | Jogo ganha fases de Castlevania e novos personagens

Mais recente atualização de Super Bomberman R também apresenta a regra Civil no modo Grand Prix para uma jogabilidade mais...

Games5 dias atrás

Heavy Metal Machines | Jogo chegou à Steam e ganhou novo personagem

Gratuito, MOBA de batalha de carros da brasileira Hoplon já está disponível para PC com visual aprimorado, novo piloto e...

Séries6 dias atrás

Avatar: A Lenda de Aang | Animação da Nickelodeon vai virar série na Netflix

Michael DiMartino e Bryan Konietzko, os criadores da série original, estão juntos novamente como showrunners da série live action da...

Cinema6 dias atrás

Capitã Marvel | Assista agora ao primeiro trailer do filme

Corre que saiu o primeiro trailer de Capitã Marvel, vem ver!!

Games2 semanas atrás

Tales of Vesperia | Edição definitiva será lançada nas Américas

A Bandai Namco vai trazer a edição definitiva de Tales of Vesperia para as américas em 2019

Cinema2 semanas atrás

Shazam! | Superman não fará participação especial no filme

Após problemas nas negociações com a Warner Bros., o Superman de Henry Cavill não deve mais ter uma participação especial...

Cinema2 semanas atrás

Superman | Warner Bros. fala sobre possível saída de Henry Cavill

WB liberou um pronunciamento sobre a possibilidade de Henry Cavill deixar de ser o Superman

Games2 semanas atrás

God Eater 3 | Jogo será lançado no início do ano que vem nas Américas

Bandai Namco liberou novo trailer de God Eater 3 e anunciou que o jogo chega no ano início do ano...

Cinema2 semanas atrás

Superman | Site diz que Henry Cavill não é mais o personagem nos cinemas

Fontes afirmam que problemas nas negociações com a Warner Bros. resultaram na saída do ator do papel

Games2 semanas atrás

Triggerun | Jogo entra em fase open beta no Steam

MMO de tiro em primeira pessoa já pode ser jogado gratuitamente no PC e ocupa apenas 100MB de memória

Games2 semanas atrás

Heavy Metal Machines | Jogo ganha data de lançamento oficial e novo trailer

Jogo brasileiro multiplayer online de batalha de carros é gratuito e poderá ser jogado em sua versão completa no PC...

Em alta