Conecte-se conosco.

Anime

Mahoutsukai no Yome teve uma primeira temporada cativante

Publicado

em

Mahoutsukai no Yome, ou The Ancient Magus Bride, foi um dos maiores sucessos recentes do Crunchyroll. Até agora, estão disponíveis na plataforma de streaming tanto os 24 episódios da primeira temporada como o excelente prequel em 3 partes, essencial e que torna a experiência toda ainda mais bela e impactante! Confira a seguir nosso review dessa linda história de amor.


Veja também:


Confira também a nossa análise completa em vídeo do anime, postada no canal parceiro Aquele Cara

A história é protagonizada pela jovem Chise Hatori que, desde criança, é assombrada por visões de uma realidade ignorada pela maioria das pessoas: um mundo assombrado por criaturas assustadoras, muitas delas com intenções terríveis! Ter ciência dessa realidade torna Chise uma pária e, para piorar, toda sua vida parece amaldiçoada e seu destino fadado a infelicidade.

Sem família e amigos, Chise praticamente desiste de viver e aceita ser vendida em um leilão do submundo. É lá que o misterioso Elias Ainsworth a adquire, com o objetivo declarado de transformá-la em sua pupila no mundo mágico… e também sua noiva! Tanto o mangá de Kore Yamazaki como a temporada do anime começam nesse ponto, mas não pule os filminhos de prequel!

Eles são belíssimos e te colocam no clima de terror, magia, depressão e romance com muito mais eficiência que os primeiros episódios de verdade. Não que eles sejam ruins, aliás, só que as prequels têm o bônus de funcionarem perfeitamente como um test drive: se você gostar do que viu ali, pode ter certeza de que vai adorar o anime inteiro, e provavelmente devorá-lo rapidinho! Caso contrário, isso significa duas coisas de cara: 1) que você nem precisa seguir vendo a série; 2) que você você tem um coração de pedra.

O amor é mágico!

Embora o romance entre espécies seja o principal cartão de visitas da obra, e declaradamente uma paixão de sua autora, não precisa se preocupar caso você seja uma pessoa intolerante a romances piegas e coisas mais melosas. Embora o relacionamento entre Chise e Elias seja o núcleo da trama, sua verdadeira força motriz são as ótimas dinâmicas entre os vários personagens que passam pelo caminho da dupla, além do deslumbre pelos mistérios e feitiços presentes por todos os lados desse reino de fantasia.

E tome fantasia! Até a J.K. Rowling ficaria com inveja da quantidade de criaturas e mitologias que Kore consegue introduzir em seu mundinho. Tem fadas, dragões, animais falantes, espíritos, tudo que você possa imaginar e mais um pouco! O mais legal é que o lore faz bastante sentido e recompensa a sua imersão com bastante riqueza de detalhes, então amantes de reinos mágicos vão certamente apreciar a sua coesão e cuidado em cada cantinho.

A primeira metade da temporada é emocionalmente muito intensa, e trata sem pudores de temas como depressão, suicídio e abuso. Tudo é feito de forma delicada, o que prova que mesmo os assuntos mais espinhosos podem ser citados na ficção de forma gratificante, desde que impere o bom gosto, o que Yamazaki tem de sobra.

É muito legal acompanhar a superação de Chise e ver a heroína, pouco a pouco, resgatar a sua vontade de viver, na mesma medida em que vai aprendendo sobre magia e sobre o que significa se importar com e ajudar outros seres vivos. Seu arco de personagem é ótimo, até porque, sabiamente, a autora a coloca como uma espécie de “professora de humanidade” para o Elias, que a princípio é tão incapaz de entender as emoções humanas quanto seu rosto esquelético é impossibilitado de demonstrá-las.

O episódio 12 tem um clímax muito, muito bom, uma culminação perfeita de tudo que foi mostrado até então! Pena que a série jamais consegue superá-lo. O comecinho da segunda metade da temporada é um pouco arrastado e tem aquela carinha de filler. Não chega a ser intragável nem nada, até dá para se divertir, mas é um respiro longo demais, e leva uns 4 ou 5 episódios até que a trama volte ao que interessa para sua reta final.

Toda a trilha do anime é excelente, mas adoro especialmente o seu primeiro tema de abertura. Essa versão no piano é bem agradável e adorou deixá-la como trilha de fundo

Isso não é um grande problema, já que logo na sequência tudo volta ao tom, ritmo e relevância a que nos acostumamos anteriormente, com direito até a uma boa dose de respostas pontuais para a maioria dos mistérios apresentados na série até então.

Vale notar que, no que depender dos mangás, esse ainda não é o fim da história em si, pois há mais material sendo publicado até hoje. Como a audiência do anime foi boa, esperamos que a Wit Studios continue com seu maravilhoso trabalho em uma nova temporada. Mas, se esse não for o caso, e o episódio 24 for a última coisa que veremos de The Ancient Magus Bride na telinha, ao menos resta o conforto de que a série foi encerrada com uma conclusão bem satisfatória e com a maioria de seus arcos plenamente resolvidos. Sem dúvidas, foi uma jornada inesquecível e apaixonante!

Mahoutsukai no Yome
9 Nota
0 Leitores (0 Notas)
Prós
  • História apaixonante
  • Trilha sonora soberva
  • Toca em temas espinhosos com sutileza
Contras
  • Pequena barriga na segunda metade da temporada
Avaliação
Mahoutsukai no Yome, ou The Ancient Magus Bride, é uma ótima adaptação de mangá para anime, que consegue até elevar a obra original. Seus 24 episódios passam voando e fisgam de jeito quem busca um bom romance bem dramático, ou mesmo quem apenas busca uma história legal de relacionamento entre espécies diferentes.
O que as pessoas acharam... Deixe a sua avaliação!
Sort by:

Seja o primeiro a deixar uma avaliação.

User Avatar
Verified
{{{ review.rating_title }}}
{{{review.rating_comment | nl2br}}}

Show more
{{ pageNumber+1 }}
Deixe a sua avaliação!

Compartilhe

Formado na arte de reclamar, odeia a internet. Ainda assim, sua hipocrisia sem limites o permite administrar a página no Facebook, plataforma de divulgação do seu primeiro livro. Você também pode seguí-lo em @thomshoes no Twitter, mas provavelmente é uma má ideia...

Comentários

Anime

The Promised Neverland estreia de forma empolgante

Muito mistério e suspense de qualidade na telinha!

Publicado

em

2019 começou com tudo para quem gosta de animes e é assinante da Crunchyroll. Afinal, entre as dezenas de novidades de janeiro tivemos nada menos que The Promised Neverland, uma das estreias mais aguardadas do ano, especialmente para quem está ligado no mercado de mangás, onde a série já faz um sucesso danado há tempos.


Veja também:


Publicado por aqui pela Editora Panini desde 2018, Yakusoku no Neverland (約束のネバーランド) é uma história de mistério e suspense escrita por Kaiu Shirai, com desenhos de Posuka Demizu. Originalmente lançada em 2016 no Japão, a narrativa integra a tradicionalíssima coletânea da Weekly Shonen Jump, e desde então figura entre as obras mais populares por lá.

Assista sem spoilers!

Pelo que pudemos ver na estreia da primeira temporada, o estúdio CloverWorks fez um trabalho muito de adaptação e trouxe para a telinha as mesmas reviravoltas, personagens interessantes e ambiente instigante presentes nas páginas dos quadrinhos. Até mais do que isso, já que, em muitos sentidos, a adaptação parece ser capaz de superar a obra original!

Com algumas alterações pontuais e espertas, o primeiro capítulo conseguiu ser mais assustador do que qualquer momento do mangá. A excelente direção e animação adicionaram um peso extra maravilhoso aos momentos mais perturbadores de Promised Neverland (e não, a gente não vai contar aqui o que acontece, porque é o tipo de coisa maravilhosa que você precisa ver com seus próprios olhos) e isso foi uma grata surpresa!

Outra ótima novidade foi a opening, certamente forte candidata a uma das aberturas mais legais do ano, já que conta com trilha sonora da banda UVERworld, aquela mesma da maravilhosa I KEEP MY IDEALS SOREZORE, a Odd Future do terceiro ano de My Hero Academia. Sonzeira da melhor qualidade, e eu já estou ouvindo a opening Touch Off em loop.

Se você está em busca de uma grande história de mistério, suspense e um bocado de terror psicológico, com personagens bem desenvolvidos e dinâmicas instigantes, vale muito a pena dar uma chance para The Promised Neverland e descobrir os motivos que o tornaram um dos maiores fenômenos dos últimos tempos! Só lembre de resistir à tentação e evitar spoilers a todo custo: a descoberta e criar teorias são as partes mais legais da jornada!

Compartilhe

Continue lendo

Anime

Viva as idols de Zombie Land Saga!

Um dos melhores animes do ano!

Publicado

em

Zombieland Saga (ゾンビランドサガ) é uma série de anime produzida pela Avex Pictures em colaboração com a Cygames, animada pelo estúdio MAPPA. Sua primeira temporada, que teve 12 episódios ao todo, já acabou e está disponível para streaming no site e aplicativo da Crunchyroll nacional. Confira logo abaixo a nossa crítica completa em vídeo e em texto desse anime que foi um dos mais legais da temporada de Outono 2018!


Veja também:


O vídeo de review acima foi postado no nosso canal parceiro Aquele Cara

No topo das paradas

Zombie Land Saga é um anime diferente e tão especial que, mesmo integrando o saturadíssimo universo dos zumbis, conseguiu encontrar uma nova e empolgante abordagem para os monstros, graças a uma metáfora muito esperta: associar o mercado de idols no Japão ao tratamento dado às mortas-vivas da sérieA crítica não é sutil, mas funciona muito bem por dois motivos.

Primeiro, suas personagens, músicas, universo e trama são cativantes e prendem o espectador que curte um pouco de humor negro e pastelão. Segundo, e muito mais importante, Zombie Land Saga claramente tem apreço e compreensão da realidade das idols, relatando de forma crítica, porém apaixonada, tudo de bom e ruim que o acompanha. O anime funciona mesmo que você não saiba absolutamente nada sobre a vida das idols no Japão, mas sua mensagem fica mais pertinente se você souber, pelo menos, um pouquinho sobre seu trabalho.

Por lá, as idols são celebridades muito famosas que vivem vidas super regradas. Como elas vendem não só a sua música, mas também sua imagem atrelada, a rotina das idols é monitorada pelos fãs e mídia constantemente. É necessário vender a imagem da perfeição, então até o vazamento de informações sobre sua vida particular, como um namoro ou qualquer coisa indecorosa, seria vista como destruidora de reputação e, potencialmente, carreira.

As meninas do anime Zombieland Saga

As meninas do anime Zombieland Saga

Já vem daí o primeiro acerto de Zombie Land Saga, ao colocar o grupo de heroínas como zumbis comandadas por um empresário aparentemente inescrupuloso que pretende usar as meninas para alcançar o sucesso, mas sempre escondendo do mundo sua verdadeira forma de zumbis. E tome quilos de maquiagem para deixar as cantoras apresentáveis!

Umas mortas muito loucas

Os primeiros dois ou três episódios não vão muito além dos pontos acima, e funcionam como uma apresentação temática, mas a diversão começa para valer a partir do momento em que as zumbizinhas decidem que seu grupo se chamará Franchouchou e começam a gostar de verdade da ideia de fazer sucesso e encantar o mundo com suas performances.

Em um excelente trabalho de narrativa, elas constroem um forte vínculo de amizade, sem precisar de grandes momentos de exposição ou didatismo exacerbado no roteiro. É nas atividades do dia a dia e em momentos que parecem mero alívio cômico, como a gravação de um comercial para a rede de fast food local, que sua amizade se fortalece. Quando você menos esperar, vai estar amando as meninas do Franchouchou, torcendo por elas e se emocionando com sua amizade verdadeira.

O miolo da temporada é minha parte favorita de Zombie Land Saga, porque ganhamos alguns episódios temáticos mostrando o passado das meninas, e como ele se amarra com o presente. E bom, o que eu posso fazer, né? Eu amo Lost e esse tipo de narrativa sempre funciona comigo.

A pequena Lily-chan estreia um dos melhores momentos de Zombieland Saga

A pequena Lily-chan estreia um dos melhores momentos de Zombieland Saga

Especialmente no episódio sobre a idol mais jovem, a Lily-chan. Acho que dar qualquer spoiler sobre ele devia ser tipificado como crime no nosso Código Penal, mas eu adorei como ele conseguiu passar uma boa lição de representatividade ao mesmo tempo em que não se envergonhava de contar uma trama bem emocional repleta de sutilezas.

Verdadeiras idols

Como esses episódios do miolo para a frente passam a culminar em performances musicais que aquecem o coração do público da Franchouchou ao mesmo tempo em que ajudam as garotas a moldar suas identidades e resgatar suas vidas pouco a pouco, em uma grande corrente de otimismo, eu senti uma energia muito parecida com a daquele jogo de DS, o Elite Beat Agents, em que o poder da música ajuda as pessoas a resolver os menores casos do dia-a-dia.

O zombie rap, postado no canal oficial da Crunchyroll Brasil, é um dos momentos mais engraçados e bem animados da série

Isso, a meu ver, foi o verdadeiro toque de mestre de Zombie Land Saga. O que começa como uma potencial leitura cínica sobre o universo das idols, logo se transforma em uma carta de amor super positiva ao mundo do entretenimento, apreciando tudo que ele pode trazer de melhor para a sociedade, mas sem poupar socos pelo caminho. Como dizem, a história do entretenimento é sempre escrita com muito sofrimento.

Apesar de seu final ser bem redondinho, correto e emocionalmente satisfatório, ficam alguns ganchos e pontas soltas que apontam para uma segunda temporada. Eu gostei tanto da série que já estou na torcida mas, se ela nunca acontecer, tudo bem. Já me satisfaço em passar o resto dos meus dias ouvindo a discografia da Franchouchou. Obrigado pelo show, garotas!!!

Zombieland Saga Temporada 1
10 Nota
8.5 Leitores (2 Notas)
Prós
  • Músicas divertidas
  • Idols carismáticas
  • Metáfora inteligente
  • Hilário e emocionante
Contras
  • Pontas soltas
  • Algumas heroínas seguem
    sem eps de origem
Avaliação
Zombieland Saga é um improvável sucesso e, com seu misto de humor negro e ótima construção de personagens, crava seu posto como um dos melhores animes do ano. Hilária e cativante, a obra ainda funciona como uma bela metáfora sobre a indústria do entretenimento japonesa.
O que as pessoas acharam... Deixe a sua avaliação!
Sort by:

Seja o primeiro a deixar uma avaliação.

User Avatar
Verified
{{{ review.rating_title }}}
{{{review.rating_comment | nl2br}}}

Show more
{{ pageNumber+1 }}
Deixe a sua avaliação!

Compartilhe

Continue lendo

Anime

Anime de Saintia Sho resgata as virtudes e problemas de Cavaleiros do Zodíaco

Quem é fã deve dar uma chance ao anime, apesar de seus defeitos

Publicado

em

Parecia que 2018 já tinha dado tudo que tinha para dar em termos de anime mas, em pleno 10 de dezembro, eis que Santia Sho teve sua estreia mundial, fazendo elevar o cosmo nos corações dos fãs de Cavaleiros do Zodíaco. O primeiro episódio já está disponível para streaming no catálogo da Crunchyroll nacional.


Veja também:


Depois dos controversos (para usar um eufemismo gentil) Omega e Soul of Gold, e em meio às recentes polêmicas envolvendo a adaptação da Netflix, série que trará Shun como uma mulher, Saintia Sho chega em um momento bem intenso e repleto de questionamentos para a franquia.

Adaptando o mangá de Chimaki Kuori, o primeiro episódio nos apresenta às irmãs Shoko e Kyoko, ameaçadas desde a infância por um destino terrível ao serem transportadas magicamente para o Éden Maligno. Velha conhecida dos fãs de longa data, a Deusa Éris está buscando uma hospedeira humana, e obviamente a protagonista Shoko entra em seu radar. Ao longo dos 20 e poucos minutos da estreia, vemos como Kyoko deseja proteger sua irmã mais nova desde o princípio, dedicando-se a ficar mais forte para salvá-la do mal.

Depois de um breve prólogo, damos um salto no tempo e encontramos Shoko já adolescente, frequentando a escolinha, vivendo momentos divertidos com seu pai e esperando pelo retorno de sua irmã desaparecida. Convenientemente, Shoko estuda na mesma escola que Saori Kido, escola esta que é atacada por criaturas das treva que mais parecem ter sido invocadas pela Rainha Beryl de Sailor Moon em termos de estética.

A partir de então começa aquele mar de clichês e convenções de Cavaleiros, com resgates de última hora, vilões com frases de efeito e aquelas mesmas animações de luta a que nos acostumamos, o que pode ser um mérito ou um defeito, dependendo da sua nostalgia, cansaço ou desgaste com a fórmula.

O verdadeiro problema é que o traço, que tenta emular o anime clássico, é muito pobre, e a animação é mais um produto de qualidade questionável da Toei. Não chega a ser um desastre mas, infelizmente, desde o capítulo Hades: Santuário Cavaleiros não conta com um traço e animação mais caprichados.

Pelo menos essa imagem aqui de Saintia Sho é bem bonita

Pelo menos essa imagem aqui de Saintia Sho é bem bonita

Também é preciso fazer vista grossa para algumas explicações corridas e convenientes ao extremo para tapar buracos no cânone (aquele típico papinho de “nossa existência precisa ser mantida em segredo”, para justificar o fato de que as Saintias nunca foram citadas na franquia até agora). O primeiro episódio é ok, não brilha nem irrita demais. Suas personagens não conseguem ser bem trabalhadas e ninguém parece particularmente interessante, um problema atrapalhado pela animação pobre.

Ainda assim, os elementos mitológicos e algumas aparições de rostos conhecidos devem animar os fãs. Mesmo na mais cética das análise, ao menos esta estreia conseguiu ser mais divertida que a tediosa Soul of Gold. Vamos esperar para ver o que vem por aí nas próximas semanas. Toda segunda-feira um novo episódio irá ao ar na Crunchyroll brasileira.

Compartilhe

Continue lendo

Últimas notícias

Games22 horas atrás

Fortnite Battle Royale | Ganhe gratuitamente um Passe de Batalha para a Temporada 8

Epic Games entra no clima de amor e vai dar um Passe de Batalha gratuito na Temporada 8 de Fortnite,...

Games3 dias atrás

Apex Legends | Battle Royale da Respawn está ajudando a popularizar Titanfall 2

Titanfall 2 recebeu mais atenção do público com a chegada do battle royale Apex Legends

Games3 dias atrás

Fortnite Battle Royale | Atualização vai nerfar canhão de mão, aviões e lançadores de foguetes

Patch v7.40 terá diversas modificações de enfraquecimento (nerf) de armas poderosas

Últimas Notícias2 semanas atrás

Resident Evil 2 | Assista agora ao nosso gameplay ao vivo

  Live de Resident Evil 2 no Twitch Watch live video from PlayReplayBR on www.twitch.tv Compartilhe0sharesFacebookTwitterGoogle+Pinterest

Games2 semanas atrás

Fortnite Battle Royale | Vaza traje prêmio do desafio Queda de Neve

Veja agora a skin que jogadores receberão por avançar no desafio Queda de Neve da Temporada 7 de Fortnite

Games2 semanas atrás

Fortnite Battle Royale | Veja as novas skins e emotes encontrados no patch V7.30

Usuários exploraram arquivos de jogo do novo patch v7.30 de Fortnite e encontraram novas skins, picaretas, itens para as costas...

Games2 semanas atrás

Fortnite | Veja o que mudou com o Patch v7.30

Nova granada é adicionada e várias armas são removidas na nova atualização de Fortnite

Últimas Notícias3 semanas atrás

Resident Evil 2: The 4th Survivor | Assista agora ao nosso gameplay ao vivo

Finalmente fechamos Resident Evil 2 Remake (Parte 1, Parte 2 e Parte 3), seguindo pela história da Claire Redfield. Dessa...

Games3 semanas atrás

Arena of Valor | Tencent Games divulga calendário para a 3ª temporada da Valor Series

Com até U$ 200 mil em premiações, partidas classificatórias começam já em janeiro

Últimas Notícias4 semanas atrás

Resident Evil Remake | Assista agora ao nosso gameplay ao vivo

  Live de Resident Evil Remake no Twitch Watch live video from PlayReplayBR on www.twitch.tv Compartilhe0sharesFacebookTwitterGoogle+Pinterest

Cinema1 mês atrás

Homem-Aranha: Longe de Casa | Assista agora ao trailer do filme

Assista agora ao trailer oficial de Homem-Aranha: Longe de Casa, novo filme do amigão da vizinhança no MCU

Games1 mês atrás

Resident Evil 2 | Demo do remake é anunciada

Saiba onde e quando baixar a demo do remake de Resident Evil 2, da Capcom

Games2 meses atrás

PUBG Mobile | Novo mapa Vikendi chega ao jogo

Com a nova atualização, novo mapa Vikendi chega a PUBG Mobile e o jogo recebe várias novidades como motos de...

Games2 meses atrás

Fortnite | Evento 14 dias de Fortnite vai começar

Por duas semanas, jogadores vão poder ganhar recompensas e combater adversários em um evento temático nos modos Battle Royale e...

Games2 meses atrás

Fortnite | Veja o que mudou com o Patch v7.10

O Natal chega a Fortnite nos modos Salve o Mundo, Battle Royale e Criativo

Em alta